Permanente vazio

Senta aqui que hoje eu quero te falar
Não tem mistério, não
É só teu coração
Que não te deixa amar…
(Los Hermanos)

É triste quando isso acontece… E dessa vez não fui eu a culpada por tamanha dor.

Até cheguei a pensar que poderia fazer a diferença, mas percebi que não posso preencher esse vazio.

A vida abriu-lhe outro caminho, deu-lhe uma nova oportunidade, mas por medo ou por magoa ainda, não deixaste… Nem tentaste.

Eu tentaria no seu lugar, mas infelizmente não o estou.

Percebi que é impossível reconstruir o que foi destruído em você.

Nós temos as nossas historias que nunca poderão ser apagadas, mas ainda é possível escrever uma outra,  única, talvez ainda melhor, mais intensa e verdadeira…

Não se engane, existem pessoas que fazem questão de machucar e de tão dissimuladas tentam se  convencer de que sofrem com seus erros. Mas não sofrem!!! Não se arrependem, pois repetem os mesmos erros sempre que podem e não pensam nas conseqüências.

São pessoas que sempre tiveram de tudo, mas nunca valores. Não se importam com ninguém a não ser elas mesmas. Conheço-as muito bem. Muitas passaram por minha vida. Tiraram tudo o que podiam de mim e só partiram quando eu nada tinha mais para oferecer. Já haviam cultivado seu ego e mostrado o quão tola eu fui.

Quem perdera? Eu? Ah, não! Continuo a mesma, ainda mais segura e convicta do que sou.

Tudo está tão claro agora, mas não se preocupe, voltarei ao meu lugar.

Estou tão cansada de buscar que vou parar por aqui, antes que eu me perca de uma vez.

Não te culpo, até te entendo… No fundo, somos iguais, meu bem: apenas não queremos quem realmente nos quer bem.

3 Responses to “Permanente vazio”


  1. 1 APC 15/10/2010 às 19:33

    Poxa, que triste fim.
    Qual mulher nunca passou por isso. Tenho a sensação que nascemos para sofrer de amor.

    Seu desabafo me lembrou uma música que amo…
    Especificamente o trecho: “Meu bem querer
    Meu encanto, estou sofrendo tanto
    Amor, e o que é o sofrer
    Para mim que estou
    Jurado pra morrer de amor”

    Forças!!!

    Beijos

  2. 2 DCassolato 27/11/2010 às 20:31

    “…Afinal de contas dei meu coração, e você pos numa estante… Como um mutante, no fundo sempre sozinho, seguindo o meu caminho, ai de mim que sou assim!”

  3. 3 Erika 15/05/2016 às 16:59

    Nossa muito lindo,me identifiquem muito.


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s





%d blogueiros gostam disto: